Correio Paulinense

Paulínia, 29 de maio de 2024
SERÁ QUE A MERENDA VAI DÁ CADEIA?; Comissão do “furacão” Kiko CONVOCA CINCO SECRETÁRIOS; RC Nutry já recebeu quase R$ 1,5 milhão; Dixon faz BALANÇO do FUTURO!

Última atualização em 12 de abril de 2017

Booooooooooooa noooooooooooooite, meus amooooooooooores. Paulínia City está parecendo uma cidadezinha do interior brasileiro, beeeeeeeeeem pobrezinha, que decreta feriado e promove uma big festa, quando ganha uma ambulância doada pelo governador. A cena. Pracinha da igreja lotada, o coreto enfeitadíssimo e a banda marcial da Escola Municipal “Senhor Prefeito Fulano de Tal”, a única da cidade, afinadíssima, pronta para a grande apresentação. Então, tocam-se as cornetas, e eis que surge o prefeito no volante da ambulância, com quatro vereadores dentro. Eles desembarcam de dentes arreganhados e acenam para o povo sofrido, mas felicíssimo com seus governantes-heróis.
Sexta-feira (7), o Conselho Tutelar da Bilionária Paulínia City recebeu um carro do Governo Federal e a doação foi comemorada quase desse jeito. Teve Prefeito, Vereadores, muitos flashes e postagem oficial nas redes sociais: “Foi com grande alegria que entregamos hoje ao Conselho Tutelar de Paulínia um automóvel modelo Air Cross, de valor estimado em aproximadamente R$ 50 mil…”, escreveu Dixon (PP), em seu Facebook. Pois é, como há muuuuuuuuito tempo ninguém sabe para onde está indo o dinheiro da city, graças a Deus, o mais importante órgão de defesa e proteção de crianças e adolescentes recebeu esse presente.
Falando nisso, Dixon (PP) fez e divulgou segunda-feira (10) um balanço do primeiro trimestre e dez dias de seu governo. Às vezes, juro, penso que o prefeito ainda é o espirituoso Pavan (PSDB), devido à semelhança entre algumas ações e afirmações dele e do atual. Balanço de 100 dias, rodeio, “peguei a Prefeitura atolada em dívidas”, “vamos gerar tantos mil empregos”, “construir outras tantas mil casas”, e por aí vai, vai, vai… No final das contas, quase nada acontece. No entanto, o balanço de Dixon (PP) tem um diferencial: como não fez praticamente nada, até agora, ele “balançou” o que diz que está sendo feito e o que fará. 
E o furacão Kiko Meschiati (PRB) continua protagonizando cenas jamais vistas na política local. Primeiro, ele deixou a liderança do governo Dixon (PP), em plena sessão do último dia 28, antes de votar favorável à investigação da denúncia de irregularidades no polêmico contrato emergencial da merenda. Já ontem (11), novamente, além de surpreender, ele deixou foi todo mundo de queixo caído, quando disse, na Tribuna, diante da Casa cheia e de vários secretários presentes, que se o prefeito estiver superfaturando a merenda fará de tudo para colocar Dixon (PP) na cadeia. Me abana Chicaaaaaaaaaaaaaaa!!!! “Mas, se o senhor estiver correto, volto nessa tribuna para parabenizá-lo”, prometeu. 
Kiko (PRB) não digeriu ainda a maioria da Câmara ter rejeitado as denúncias envolvendo os contratos da Corpus e da RC Nutry. Na semana passada, como presidente da Comissão de Finanças e Orçamento do Legislativo, ele ouviu os ex-secretários Valmir Ferreira da Silva e Elisete Quadros, que não assinaram as contratações emergenciais, como Dixon (PP) queria, e, por isso, segundo os próprios, foram exonerados dos cargos (leia +). “Eu ainda fiquei com uma pulguinha atrás da orelha, dei continuidade ao trabalho e vou continuar fiscalizando, dentro da prerrogativa da minha comissão, a de Finanças e Orçamento”, disse ele.
A Comissão presidida por Kiko (PRB) convocou (Requerimento 90/2017) os secretários municipais Alessandro Baumgartner (Negócios da Receita), Silvio César Vieira Andrade (Finanças e Administração), Luciano Almeida Carrer (Negócios Jurídicos) Luciano Bento Ramalho (Educação) e Reginaldo Antonio Vieira (Chefe de Gabinete), para esclarecimentos sobre os contratos da Corpus e RC Nutry. O comparecimento é obrigatório e qualquer ausência deve ser justificada.
Falando em secretário, o atual de Segurança Pública, Emerson Baptista de Oliveira, deu as ordens ontem, na Câmara. Antes de começar a ler as Ementas das Indicações, o queridíssimo Reginaldo do Naves, alertou que, por orientação de Oliveira, quem jogasse algo nos vereadores seria levado direto à delegacia de polícia, para esclarecimentos. Desde o fim de semana, circulou nas redes sociais o convite para um “moedaço” na sessão, mas, depois do aviso, nenhuma moeda foi arremessada contra vereadores. Teve gente que levou várias em sacos plásticos, mas só puderam balançar. 
O vereador Tiguila Paes (PPS), que também votou pelo acolhimento das denúncias, revelou ter apurado que a RC Nutry estaria usando alimentos da Prefeitura no preparo da merenda que está servindo nas escolas. Segundo ele, uma funcionária da RC Nutry, que já recebeu quase R$ 1,5 milhão pela merenda servida, lhe disse que a empresa comprou os alimentos que estão no DAN (Departamento de Alimento e Nutrição) do município. Tiguila (PPS) questionou a legalidade da suposta compra. Além disso, o vereador destacou que quase dois mil alunos de quatro unidades escolares da city não estão sendo alimentados pelo contrato da RC Nutry, mas por outra empresa fornecedora de merenda do município. É muito babado!!!
E para finalizar, mais uma rodada de nomeações no governo Dixon (PP), publicadas no Semanário Oficial desta véspera de “Quinta-feira Santa”, em Paulínia City. Dessa vez, 26 servidores concursados e 27 não concursados, foram nomeados para os mais diversos cargos no serviço público municipal. Com esse terceiro lote, o atual prefeito já nomeou 96 dos 342 cargos disponíveis. 
Uma excelente noite, meus amooooores, na PAZ DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO. Beeeeeeeeeeeijos e abraaeeeeeeeeaaaaços! Au revoir!

Foto: Ilustração

<imagem1>moedaçonacâmara.jpg</imagem1>

<imagem2></imagem2>

<imagem3></imagem3>

<imagem4></imagem4>

<imagem5></imagem5>

<video1></video1>

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima