Correio Paulinense

Paulínia, 19 de maio de 2024
Sem discursos, Dixon, Caprino e Vereadores eleitos são diplomados; cerimônia foi a mais rápida

Última atualização em 19 de dezembro de 2016

A solenidade de diplomação de Prefeito, Vice-Prefeito e Vereadores eleitos, no pleito de 2 de outubro, durou aproximadamente quarenta minutos – a mais rápida já registrada. O Correio apurou que a orientação “sem discursos” foi dada ao Cerimonial da Câmara pela juíza eleitoral Marta Brandão Pistelli. “A cada eleição as pessoas renovam a esperança de ver seus direitos respeitados. Espero que vocês (os eleitos diplomados) cumpram com este anseio da população”, disse Pistelli, no curto discurso de abertura da solenidade. Na sequência, deu-se a entrega dos diplomas.
A diplomação começou pelo vereador mais votado Roberto Aparecido Mechiati, o Kiko (PRB), e terminou com o prefeito eleito Dixon Carvalho (PP). O vice-prefeito eleito Sandro Caprino (PRB) chegou após o término da entrega dos diplomas. “Acordei com forte cólica renal e tive que ir ao hospital tomar medicação para aliviar as dores, por isso, não consegui chegar a tempo”, explicou ele ao Correio. 
O novo delegado titular da Polícia Civil de Paulínia Rodrigo Luis Galazzo participou da mesa com a juíza eleitoral. O Ministério Público Eleitoral (MPE) da cidade não participou, pela primeira vez.Após a cerimônia, os vereadores eleitos foram convocados para uma reunião na sala da presidência do Legislativo. Amanhã (20), você confere mais sobre  a diplomação na coluna “Deixem-me Falar…”
Foto: Correio Imagem/Túlio Silva 

<imagem1>DIPLOÇÃOdixoncAPRINO.jpg</imagem1>

<imagem2></imagem2>

<imagem3></imagem3>

<imagem4></imagem4>

<imagem5></imagem5>

<video1></video1>

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima