Correio Paulinense

Paulínia, 21 de abril de 2024
Secretário de Saúde explica dificuldade para agendar vacina contra a Covid-19

Última atualização em 22 de julho de 2021

Muitos moradores da cidade não têm conseguido marcar a primeira dose da vacina contra a Covid-19, através dos dois canais disponibilizados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Paulínia: a página vacina.paulinia.sp.gov.br e o telefone 156. Obrigatório para todas as faixas etárias, o agendamento é aberto sempre às 9h do dia anterior à vacinação de determinado grupo, mas as vagas são esgotadas em minutos.  
“O problema é proveniente dos números de doses insuficientes para atender determinadas faixas etárias”, explicou o secretário de Saúde, Fábio Alves, por meio da assessoria de imprensa. “Fazemos prontamente a comunicação ao governo do estado e, assim que recebemos a grade de doses, disponibilizamos para a população, sem estocar o imunizante”, acrescentou. Ainda segundo ele, o sistema de agendamento foi adotado para “evitar as filas, as corridas das pessoas na madrugada e o desgaste de não receber o paciente várias vezes com demanda espontânea nas unidades de serviços”. 
Vacinação
Apesar de o número de imunizantes enviados pelo Governo Estadual ser abaixo do esperado, segundo a SMS, Paulínia já aplicou a primeira dose contra a Covid-19 em 48.971 moradores, o que representa 43,72% da população, estimada pelo IBGE em 112.003 habitantes. Ainda de acordo com a pasta, 15.903 paulinenses, ou 14,20% da população, já concluíram a imunização (tomaram as duas doses ou dose única). “Os dados foram coletados até o dia 20 de julho de 2021”, afirmou a assessoria de imprensa. 
De acordo com Alves, a cidade tem aplicado mil doses em média por dia, e conseguido manter o calendário semanal de vacinação sem interrupções. “Trabalhamos com a expectativa de chegada de ao menos uma grade de doses por semana para fazer o cronograma de distribuição do imunizante. Nossos esforços são no sentido de garantir a cobertura vacinal da população da forma mais ágil possível”, concluiu.

Mizael Marcelly
Foto: Reprodução/Rede Social

<imagem1>SecretáriodeSaúdedePaulínia_FábioAlves.jpg</imagem1>

<imagem2></imagem2>

<imagem3></imagem3>

<imagem4></imagem4>

<imagem5></imagem5>

<video1></video1>

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima