Correio Paulinense

Paulínia, 19 de maio de 2024
“Não tem a mínima chance. O meu partido não está à venda”, disse o Presidente Levi Fidelix à interlocutora de Moura (PMDB)

Última atualização em 16 de janeiro de 2014

[imagem] O pré-candidato à Presidência da República e presidente do PRTB (Partido Republicano Trabalhista Brasileiro) Levi Fidelix convocou uma reunião de urgência com os representantes do partido na Câmara Municipal de Paulínia, Ângela Duarte e Tiguila Paes, além do presidente municipal Hércules Duarte, para esclarecer o encontro com a empresária paulinense Lúcia Abadia no último dia 10 em Brasília. A reunião aconteceu na tarde de ontem, na sede do PRTB no bairro de Moema, em São Paulo, e foi acompanhado com exclusividade pelo Correio Paulinense. Por motivos pessoais, o vereador Tiguila Paes acabou não participando.

De acordo com Fidelix, ao descer do escritório do partido na Capital Federal para almoçar na churrascaria Espeto de Ouro, foi abordado por Abadia no hall do prédio, perguntando se o presidenciável lembrava-se dela. Fidelix respondeu que sim e em seguida a empresária, que foi presidente do PRTB Municipal em 2009, perguntou se ele não teria como lhe “devolver o partido”. “Olha minha filha, lá (em Paulínia) estou muito contente com o grupo. Não tem a mínima chance”, respondeu Fidelix e lembrou à empresária que o partido fez dois vereadores na cidade. Segundo ele, Abadia teria afirmado que “esse pessoal (Angela e Tiguila) não leva à lugar nenhum”. Fidelix lembrou à Abadia que Angela e Tiguila tiveram votações expressivas. 
O presidente do PRTB disse que Lucia Abadia destacou, na churrascaria,  a participação dela na campanha política de Moura. “Você sabe que eu trabalhei na campanha do Moura e sou uma das principais pessoas da vitória dele.  O senhor terá muita coisa com ele, o senhor não tem o que perder com esta conversa”, teria dito a empresária paulinense. “Minha filha, para com isso. O meu partido não está à venda.  O partido lá tem respeito, futuro, eu estou com um grupo lá e acabou”.
Após o encontro com Abadia, Levi Fidelix pediu para João Francisco Garcia, Coordenador Estadual  do PRTB, convocar a reunião com Hércules Duarte, Angela Duarte e Tiguila Paes. “Pedi para o João antecipar aos nossos companheiros de Paulínia que Lucia Abadia, em nome do Edson (Moura), foi lá (em Brasilia) me pedir o partido de volta e que neguei tanto o comando da legenda como a volta dela como filiada”, afirmou o presidente. “A história é esta, correta, verdadeira, real, por isso quis falar com vocês pessoalmente, pra vocês ouvirem e saber como foi”, disse Fidélix na reunião de ontem e finalizou: “Estamos com Pavan até debaixo d’água. Tem papo não.”  
Outro lado
Uma das principais militantes políticas do ex-prefeito Edson Moura (PMDB), pai do atual, Lucia Abadia conversou com o Correio Paulinense Online.  Abadia confirmou o encontro com Levi Fidelix, mas negou que teria pedido o PRTB paulinense de volta e oferecido vantagens no atual governo municipal para ser atendida. “Nunca disse isto. Estava com várias pessoas na mesa. Nunca diria isto”, afirmou a empresária. 
De acordo com a empresária paulinense, a foto postada em sua página no Facebook foi tirada na churrascaria, durante um almoço com várias pessoas. Perguntamos se o Levi Fidelix estava na mesma mesa que ela e Abadia não respondeu. Perguntamos também o nome do ex-deputado do PSB que ela apresentou ao presidente Fidelix, na ocasião do encontro na churrascaria Espeto de Ouro, mas Abadia disse que não gostaria de envolver o nome dele, por tratar-se de um amigo querido.

A empresária confirmou ter conversado com o Presidente Nacional do PRTB sobre Paulínia, mas não quis especificar o teor da conversa.

Fotos: Lucas Rodrigues/CP Imagem

<imagem1>d5aece38c03f54e8167b8dc7cf9bf919.jpg</imagem1>

<imagem2></imagem2>

<imagem3></imagem3>

<imagem4></imagem4>

<imagem5></imagem5>

<video1></video1>

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima