Correio Paulinense

Paulínia, 22 de maio de 2024
No Natal passado nenhuma árvore foi montada dentro do centro de compras. Apenas uma estrutura de ferro, do lado de fora, foi iluminada pela Prefeitura.

Última atualização em 31 de janeiro de 2014

[imagem] De acordo com o Extrato do Contrato 282/2013, publicado na edição de quarta-feira (29) no Semanário Oficial de Paulínia, a Prefeitura contratou a empresa L. F. Comércio e Construções Paulínia LTDA – ME para “montagem de árvore de Natal no Paulínia Shopping”. De acordo com a publicação, o contrato foi formalizado no dia 20 de dezembro de 2013, pelo valor R$ 77.000,00 (setenta e sete mil reais), através do Convite 40/2013.

O convite é a modalidade de licitação utilizada para contratações de menor vulto, ou seja, para a aquisição de materiais e serviços até o limite de R$ 80.000,00 (oitenta mil reais), e para a execução de obras e serviços de engenharia até o valor de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais). Esta modalidade se destina a interessados que pertençam a ramo de atividade pertinente ao objeto a ser licitado e deve ter a participação de pelo menos três empresas convidadas para o certame.
Entretanto, a decoração natalina interna do Paulínia Shopping, em dezembro passado, não contou com árvore de Natal. A Prefeitura de Paulínia iluminou uma estrutura de ferro localizada na parte externa do shopping. A estrutura era coberta por uma lona, derrubada por um forte temporal que atingiu a cidade em novembro de 2011, quando o Paulínia Shopping era administrado pela empresa Pró-Shopping.
Nossa reportagem tentou falar com o dono da L. F. Comércio e Construções Paulínia, que deveria funcionar na Rua Hercília Gomes Navarro, 415, na Vila Nunes, mas trata-se de uma residência normal. Fomos atendidos por um morador da casa e segundo ele a L. F., na verdade, era no número 414, da mesma rua.

Nos dirigimos à segunda casa e falamos com a sogra de Luiz Ferreira, dono da L. F. A mulher informou lá era a residência do genro e que o escritório da empresa ficava no centro, porém não soube dizer o endereço. “Tem uma moça que fica lá”, disse a senhora.  Registramos imagens da casa, mas resolvemos não publicar por não ter conseguido com o dono da L. F. 

Intervenção
O centro de compras Paulínia Shopping está sob a intervenção da Prefeitura de Paulínia desde 9 de setembro de 2013, após ser lacrado por problemas na segurança e falta de alvará de funcionamento e laudo do Corpo de Bombeiros. Quatorze dias depois, o shopping foi reaberto com a segurança atestada, segundo a Prefeitura informou na época, pelo Corpo de Bombeiros da cidade.

Antes de ser interditado pelo município, o local era administrado pela Pro-Shopping, administradora de shoppings centers. O interventor, nomeado pelo prefeito Edson Moura Junior (PMDB) é Wilson Machado, Secretário de Indústria e Comércio e dono do jornal Tribuna.

Foto: CP Imagem/Arquivo

<imagem1>0b795bfb3e5d9d876b82941b039d685a.jpg</imagem1>

<imagem2></imagem2>

<imagem3></imagem3>

<imagem4></imagem4>

<imagem5></imagem5>

<video1></video1>

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima