Correio Paulinense

Paulínia, 13 de julho de 2024
Investigadores apreendem computadores na casa do filho de Lula em Paulínia

Última atualização em 11 de outubro de 2017

No final da tarde desta terça-feira (10), a equipe do Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil de Paulínia se deslocou até uma residência, no bairro Morumbi, para cumprir um mandado de busca e apreensão expedido pela juíza Marta Brandão Pistelli, da 2ª Vara local. Os policiais foram recebidos pelo dono casa, que, prontamente, permitiu o cumprimento da ordem judicial.
Durante as buscas, os investigadores ficaram surpresos quando constataram que o morador se tratava de Marcos Cláudio Lula da Silva, filho adotivo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Carla Ariane Trindade e Camila N. Trindade, respectivamente, esposa e cunhada de Marcos, também estavam na residência. Marcos é fruto do primeiro casamento da ex-primeira-dama Marisa Letícia, morta em fevereiro deste ano, aos 66 anos. 
Os policiais apreenderam um computador, dois notebooks, um HD, DVD’s, CD’s e disquetes. O advogado Dauro Machado acompanhou a elaboração do boletim de ocorrência e a formalização do auto de apreensão dos objetos. Segundo informações, o alvo da busca e apreensão era entorpecentes, mas a polícia não encontrou nenhuma substância ilícita na casa do filho de Lula, que não precisou ir até à delegacia. Os objetos apreendidos serão periciados pela polícia. 
Processo
A busca e apreensão na casa do filho do ex-presidente Lula está vinculado a um processo que corre, sob segredo de justiça, na 2ª Vara de Paulínia. Por conta do sigilo, não é possível informar o objeto da ação e nem as partes envolvidas.
Fotos: Correio Imagem (casa) e Internet/Reprodução (Marcos)

<imagem1>marcoscláudioluladasilva_PAULÍNIA.jpg</imagem1>

<imagem2></imagem2>

<imagem3></imagem3>

<imagem4></imagem4>

<imagem5></imagem5>

<video1></video1>

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima