Correio Paulinense

Paulínia, 29 de maio de 2024
Estão pautados dez projetos de lei, inclusive o que muda o nome do Paço Municipal de Palácio 28 de Fevereiro para Palácio “Cidade Feliz”

Última atualização em 22 de dezembro de 2013

[imagem] Na manhã desta segunda-feira (23), a Câmara Municipal de Paulínia se reúne extraordinariamente pela oitava e última vez este ano. Na pauta de votação, dez Projetos de lei, sendo oito de autoria do prefeito Edson Moura Junior (PMDB), um do vereador Custódio Campos (PT) e o último de Fábio Valadão (PROS). 

O destaque dos trabalhos é o Orçamento Municipal para 2014, estimado em R$ 1.435.765.000,00 (um bilhão, quatrocentos e trinta e cinco milhões e setecentos e sessenta e cinco reais). Na distribuição dos recursos por função, a Segurança Pública receberá pouco mais de R$ 38 milhões contra quase R$ 115 milhões que a Secretaria de Cultura terá para patrocinar filmes e o festival de cinema internacional do próximo ano. Já os 25% determinado por lei para a Educação chega a quase R$ 331 milhões, Saúde (15%) quase R$ 266 milhões e Habitação próximo de R$ 87 milhões. (Veja a distribuição completa).
Outro destaque será Projeto de Lei 42/13 do Executivo, que quer mudar o nome do Paço Municipal de “Palácio 28 de Fevereiro” para “Cidade Feliz”, slogan político do ex-prefeito Edson Moura (PMDB), pai do atual. A “homenagem” está provocando discussões dentro e fora da Câmara e o PL pode ser reprovado amanhã pelos vereadores, assim como já foi reprovado pela opinião pública. Leia a opinião do jornalista Mizael Marcelly sobre este projeto.
A Extraordinária acontece a partir das 10h00 e encerra os trabalhos do Legislativo em 2013. Os vereadores só voltam a se reunir dia 28 de janeiro.
Foto: Lucas Rodrigues/CP Imagem

<imagem1>e3e6645de28407659424d88aba579123.jpg</imagem1>

<imagem2></imagem2>

<imagem3></imagem3>

<imagem4></imagem4>

<imagem5></imagem5>

<video1></video1>

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima