Correio Paulinense

Paulínia, 15 de junho de 2024
“Comemoro essa importante aliança política”, diz Camargo após encontro com Derrite

Última atualização em 6 de fevereiro de 2024

Derrite recebeu Camargo na sede da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP-SP), no Centro da capital paulista – Foto: Rede Social


O vice-prefeito de Paulínia Sargento Camargo (Republicanos) se reuniu com o secretário estadual de Segurança Pública Guilherme Muraro Derrite, quinta-feira passada (1º), na sede da pasta, localizada no Centro de São Paulo.  Em seus perfis nas redes sociais, Camargo resumiu o encontro. “Discutimos um pouco sobre a política municipal e estadual, além das ações que estão sendo desenvolvidas na área de segurança pública em todo estado”, escreveu.

Possível candidato a prefeito da cidade nas eleições de 6 de outubro deste ano, Camargo avaliou o trabalho de Derrite à frente da SSP-SP. “O secretário Derrite e sua equipe têm desempenhado um trabalho admirável, apresentando avanços significativos, assim como toda a administração do governador Tarcísio de Freitas”, elogiou.

O número 2 do atual governo municipal classificou o encontro como “super produtivo”, e explicou: “Pudemos estreitar mais nossos laços políticos onde nos colocamos a disposição para o melhor desenvolvimento de nossa cidade e também de São Paulo”. Camargo concluiu o post dizendo: “É com muito orgulho e satisfação que comemoro essa importante aliança política”.

O que Camargo e Derrite têm em comum?
Ambos integraram a Polícia Militar (PM) do Estado de São Paulo. Camargo se aposentou em 2019 como subtenente, após 29 anos e nove meses na corporação. Derrite se tornou militar em 2003. Atuou como tenente na ROTA  (Rondas Ostensivas Tobias Aguiar), de 2010 a 2013, quando assumiu a chefia da Força Tática do 49º Batalhão de Polícia Militar Metropolitana (BPM/M), e ainda foi oficial do Corpo de Bombeiros, entre 2015 e 2018.

No campo político, os ex-militares disputaram cargos eletivos. Antes de eleito vice-prefeito em 2019 e reeleito em 2020, Camargo  havia sido votado duas vezes para vereador de Paulínia, em 2012 (PV) e 2016 (PDT), mas não conseguiu se eleger. Filiado ao PL (Partido Liberal), Derrite foi eleito deputado federal em 2018 e reeleito em 2022. Convidado pelo governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) para a SSP estadual, ele licenciou-se da Câmara Federal e assumiu a pasta em janeiro do ano passado. Além disso, Camargo e Derrite se declaram apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

Gostou desse conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Rolar para cima