Após romper com o MDB de Moura, Republicanos fecha com o Cidadania de Tuta

Da Redação
10/06/2020 18:06:25
Após romper com o MDB de Moura, Republicanos fecha com o Cidadania de Tuta

Legendas se unem para a disputa eleitoral 2020

“Pela construção de uma proposta diferenciada para Paulínia”, diz presidente da legenda, em nota ao Correio

Nesta quarta-feira (10), o partido Republicanos de Paulínia anunciou, por meio de nota ao Correio, aliança com o Cidadania (antigo PPS) para as eleições municipais deste ano. Segundo o presidente municipal da legenda, Clayton Santos Souza, a decisão de apoiar definitivamente Tuta Bosco (Cidadania) na disputa pela Prefeitura da cidade foi tomada em conjunto com os pré-candidatos republicanos a vereador, durante reunião segunda-feira (8).  

No dia 15 de abril, o partido declarou apoio ao MDB (Movimento Democrático Brasileiro) na corrida para prefeito deste ano. “No momento é a melhor opção para a cidade de Paulínia”, disse o presidente republicano, na época. Em 12 de maio, ou seja, menos de um mês depois, o Republicanos rompeu com a legenda liderada pelo ex-prefeito Edson Moura, alegando “desapontamento” com os emedebistas. No dia seguinte, o MDB postou nota sobre o rompimento e, entre outros pontos, destacou não ter “espaço para o ultrapassado toma lá, dá cá”.

“A convivência com o pessoal do MDB , deixou de ser tranquila a partir do momento que costumes antigos e vícios de conduta, hoje repudiados, começaram a se manifestar, como a falta de democracia nas relações”, afirma Clayton, na nota de hoje, e enfatiza: “O Republicanos é um partido que tem como característica, o descompromisso com o erro e está sempre disposto a rever seus posicionamentos para acertar na construção de seus projetos políticos”.

A nota republicana segue dizendo que o partido “está empenhado pela construção de uma proposta diferenciada para Paulínia”. Para Clayton,  a aliança firmada com o Cidadania representa “a possibilidade de construir um projeto que atenda as demandas do povo”, e sintonizado com a atual realidade do município. “Pelo fato de Tuta nunca ter ocupado cargos políticos e trazer a experiência corporativa para o campo político, ele abre amplas possibilidades para a construção de algo novo”, conclui o presidente.

O Correio não conseguiu ouvir Jurandir Matos, presidente municipal do partido Cidadania, nem o empresário Tuta Bosco que, segundo informações, ainda se recupera da Covid-19.

Foto: Reprodução

Comentar