Prefeitura regulariza financiamento de 13 imóveis no Residencial Pazetti

Da Redação
12/07/2019 12:07:39
Prefeitura regulariza financiamento de 13 imóveis no Residencial Pazetti

Moradores do Pazetti com Loira (DC) e Rubens Toreti

Nesta quinta-feira (11), famílias receberam documentação em reunião com o prefeito interino e secretário de Habitação de Paulínia

Após cinco anos tentando regularizar a situação de suas casas no módulo 3 do Residencial Pazetti, treze famílias conseguiram recuperar o financiamento dos imóveis. De acordo com a Prefeitura de Paulínia, os moradores haviam perdido o financiamento original com a Caixa Econômica “devido à ingerência de gestores anteriores do município”. À época, Paulínia não tinha a Certidão Negativa de Débito (CND), o que, segundo a administração municipal, dificultou o processo de financiamento  direto com o banco. 

Nesta quinta-feira (11), os moradores estiveram com o prefeito interino, Antonio Miguel Ferrari, o Loira (DC), e o secretário de Habitação, Antonio Rubens Toreti. Na ocasião, eles entregaram às famílias a documentação que formaliza o financiamento dos imóveis, desta vez, diretamente com a Prefeitura Municipal, de acordo com a Lei 3.394/2014 (artigo 5º). 

“Esses munícipes agora terão a chance de assinar o contrato e firmar o financiamento direto com a Prefeitura”, explicou o secretário de Habitação. As famílias beneficiadas pagarão os imóveis em 360 parcelas (boleto bancário) de meio salário mínimo vigente, observando todos os critérios da Lei 3.394/2014. 

Analista financeira e moradora do módulo 3 do Pazetti, Manuela Priscilla de Oliveira destacou o empenho do governo interino para resolver a situação dela e das outras famílias. “Reconhecemos que o prefeito Loira e sua equipe tiveram muito boa vontade com a nossa situação. Eu, pessoalmente falei com inúmeros secretários e chefes de gabinete durante esses últimos cinco anos que sempre demonstravam que o trabalho parecia impossível. Todos os envolvidos têm minha gratidão eterna. Jamais vou esquecer o que fizeram pelos meus vizinhos, por mim e, consequentemente pelas minhas filhas, agora temos uma documentação e somos dignos de sermos oficialmente donos das nossas casas”, disse ela.

Por meio da assessoria de imprensa, o prefeito Loira (DC) ressaltou a conquista dos moradores. “O que era um grande problema para as famílias, foi resolvido por nós com muito boa vontade. Todo mundo tem direito à sua moradia, a pagar por ela com dignidade. Estamos trabalhando incansavelmente para resolver os problemas da nossa cidade”, disse ele.

Comentar