Agosto: Paulínia registra queda de 38,03% na média móvel de casos

Da Redação
18/08/2020 15:08:52
Agosto: Paulínia registra queda de 38,03% na média móvel de casos

O uso de máscaras continua obrigatório em qualquer lugar

Segundo o Estado, a cidade registrou 86 infectados por dia na 1ª semana do mês e 53,28 na segunda; Pelos números da SMS, a média móvel ficou estável

Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde, entre os dias 1 e 14 deste mês, apontam uma redução de 38,03%  na média móvel de casos de Covid-19 registrados em Paulínia. Na semana de 1 a 7 foram contabilizados 602 novos infectados, ou 86 casos por dia. Na semana seguinte (de 8 a 14) a pasta estadual totalizou 373 novos casos, média de 53,28 por dia.

Já os números registrados no mesmo período pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) apontam estabilidade na média móvel de novos paulinenses infectados: 280 registros entre os dias 1 e 7 – média de 40 por dia – e 286 entre os dias 8 e 14 – média de 40,85 por dia.

Por outro lado, a SMS registrou doze paulinenses mortos pela Covid-19 na primeira semana de agosto (de 1 a 7). Foi o maior número de óbitos registrado em apenas sete dias, desde o início da pandemia. Dos onze novos óbitos divulgados pela pasta municipal de saúde na segunda semana de agosto (de 8 a 14) apenas um ocorreu dentro desse período – os demais foram notificados em agosto, mas ocorreram entre junho e julho.  

No período de 8 a 14, Paulínia já estava na fase do Plano São Paulo de flexibilização da quarentena em que se encontra atualmente: a amarela, que permitiu a reabertura com restrições de mais segmentos da economia local como bares, restaurantes, lanchonetes, barbearias, salões de beleza e feiras livres, além da volta de cultos, missas e demais atividades religiosas.

A cidade permanece em quarentena até o próximo dia 23, quando a situação será reavaliada pelo Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao Coronavírus. O uso de máscara é obrigatório em qualquer lugar aberto ou fechado. Eventos e festas com aglomeração de pessoas seguem proibidos. As aulas nas redes pública e privada de ensino continuam sem previsão de retorno. 

Atualização:
Nesta quarta-feira (19/08), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulgou mais dois óbitos ocorridos no período de 8 a 14 de agosto: um homem de 56 anos, dia 10, e uma mulher de 89 anos, dia 12. Na quinta-feira (20), A SMS adicionou mais dois óbitos ocorridos no período: uma mulher de 72 anos, dia 10, e um homem de 77 anos, dia 12.

Foto: Arquivo/Correio Imagem

Comentar