Além desses “elogios”, é preciso anotar e guardar bem as medidas que deixaram a cidade PERPLEXA

Da Redação
20/07/2014 21:51:00
Além desses “elogios”, é preciso anotar e guardar bem as medidas que deixaram a cidade PERPLEXA

[imagem] A população está sentindo na pele as consequências de uma administração anunciada em cima da hora e bem no estilo “feirante malandro” que, no finalzinho da feira, oferece aos gritos “dois sacos de tomate” pelo preço de um. Seduzida pela vantagem, a freguesa compra o legume (fruta para a botânica) de “olhos fechados” e vai para casa, toda feliz, preparar a salada do almoço. Entretanto, na hora “H” descobre que os dois sacos de tomates estão estragados e volta furiosa à feira, para devolver o produto e pegar seu dinheiro de volta ou trocá-lo por um que preste, mas já é tarde. Quem a enganou já desarmou a barraca, foi embora e aí só na semana seguinte. 


No dia 7 de outubro de 2012, quase 21 mil eleitores paulinenses foram seduzidos pela propaganda  “VOTE EM 1 E LEVE 2”, que “vendeu” facilmente a mensagem embutida; “SE UM FOI BOM, DOIS SERÁ AINDA MELHOR”. Hoje, todos estão sentindo o gosto amargo da enganação, mas diferente da feira, que possibilita a troca do produto ou o dinheiro de volta, sete dias depois, a política não devolve o voto e quem votou tem que esperar quatro anos para mudar o voto, isso se não deixar que lhe enganem de novo. 

Nos últimos DOZE MESES a cidade acumulou perdas jamais registradas em toda a sua história, muitas delas irreparáveis. Mas, enquanto o momento da chance de mudar não chega, além de protestar e cobrar incansavelmente soluções, é preciso ANOTAR E GUARDAR BEM TODOS OS PREJUÍZOS, para na hora certa fazer prevalecer o dito “QUEM BATE, ESQUECE. QUEM APANHA, NÃO”. 

Paulínia: PRIMEIRO ANO COM “DOIS PREFEITOS”

- SEM o Centro de Ação Comunitária (CACO), que durante 37 anos serviu, sobretudo, dignidade à milhares de famílias paulinenses.
- SEM dinheiro para pacientes de câncer (AUPACC), crianças especiais (APAE), moradores de Rua (Centro São Francisco de Assis), crianças abrigadas (Casa do Menor), programas socioeducativos (AIJ), animais abandonados (Associação Protetora dos Animais São Francisco de Assis), Bicicross (Paulínia Racing).
- SEM remédios, exames, material hospitalar básico, consultas e dieta enteral.
- SEM Tarifa Zero para todo mundo
- SEM Saúde, Educação e Segurança “Padrão 1º Mundo”, em 180 dias
- SEM “+Paz” de R$ 1.380,00
- SEM programa bolsa de estudo ampliado
- SEM abono em parcela única
- SEM abono integral para médicos e professores
- SEM hora extra para o servidor
- SEM Plano de Carreira para o Funcionalismo
- SEM pagar os direitos trabalhistas de 405 trabalhadores demitidos (CACO E AIJ)
- SEM dar assistência à milhares de crianças, adolescentes, jovens e adultos em vulnerabilidade social
- SEM material escolar completo
- SEM pagar a bolsa de estudo em dia
- SEM projetos socioeducativos
- SEM reformar uma praça ou ginásio de esportes
- SEM executar os Programas do CACO e AIJ
- SEM GINÁSIO para o Bom Retiro com dinheiro privado
- SEM Certidão Negativa de Débito (CND) 
- SEM reformar ou construir escolas
- SEM reformar ou construir creches
- SEM a Creche Júlio Perine II
- SEM programa habitacional
- SEM responder Requerimentos de Vereadores
- SEM apoio para projetos culturais e artistas da cidade
- SEM respeitar a Emancipação da Cidade – O “Palácio 28 de Fevereiro” virou “Palácio Cidade Feliz”
- SEM RESPEITAR O POVO E A DEMOCRACIA, Prefeito xinga munícipes de BABACAS, em pleno Aniversário de 50 Anos da Cidade. Na Câmara, líder de governo chama manifestantes de “BOBOS E VAGABUNDOS", em plena Sessão Legislativa.

ANOTEM AÍ!

Foto: Lucas Rodrigues/CP Imagem

Comentar