Marcos Paulo da Silva surpreendeu a todos ao mostrar que tamanho não é documento, quando existem força e vontade de superar-se a...

Da Redação
10/06/2014 16:09:00
Marcos Paulo da Silva surpreendeu a todos ao mostrar que tamanho não é documento, quando existem força e vontade de superar-se a cada partida

[imagem] Por Lucas Rodrigues


Passaredo goleia Casas Bahia em 7 a 3 e o destaque ficou por conta do goleirão, que realizou importantes intervenções. A partida aconteceu ontem (9), no Ginásio Municipal “Itália Botasso Calegari”, onde Marcos Paulo da Silva vestiu as luvas e a camisa 1 com tremenda habilidade, personalidade e com isso, transformou em gigante na quadra.  

Nos últimos anos, a altura tem sido exigida no futebol e futsal, ou seja, quanto mais alto maior é a confiança depositada no jogador, principalmente sendo goleiro. O guardião do gol “passaredense”, 35 anos e apenas 1,58m de altura, surpreendeu nas defesas, levando a torcida da empresa de ônibus ao delírio.  

O goleirão gritava com a defesa, comandava o time, tomou três gols indefensáveis, provenientes de erros defensivos da equipe, mas durante todo o jogo ele fez a sua parte muito bem e com estilo. Após a partida Marcos conversou com a Puro Esporte sobre tamanho e documento. “Superar meu tamanho me deixa feliz e ser goleiro é uma conquista muito grande para mim. Obrigado aos que que fazem piadas com a minha estatura, pois eu gosto de, após os jogos, mostrar à essas pessoas que tamanho não é documento”, disse ele.

Fora de campo, Marcos trabalha como motorista, é casado com Lucinéia Cardoso da Silva e pai de Talita Fernanda da Silva, 8, Pedro Henrique da Silva, 4, e Paulo Daniel da Silva de apenas 10 meses. “Eu levo meu tamanho na esportiva, as pessoas se surpreendem quando digo que sou motorista e goleiro, mas o que importa é que tenho minha família e dedico todos os jogos e minhas superações à eles”, finalizou  o goleirão. 

Voltando à quadra. O MB Catalisadores atropelou o ASGA por 12 a 1. Para muitos o MB é o “Morro B”, porque muitos jogadores da equipe jogaram o Futsal 2014 pelo Morro Alto, Campeão da Primeira Divisão deste ano. Então ficou Morro A e Morro B. Na última partida da noite, Paguemenos e Tagma fizeram um jogo incrível, pois o Paguemenos perdeu o primeiro tempo em 3 a 1, depois virou para 4 a 3, voltou a ficar atrás do placar em 5 a 4, depois esteve à frente por 6 a 7, mas no último segundo o Tagma deixou tudo igual: 7 a 7. 

Amanhã (11), acontece a última rodada do futsal com os duelos entre Supermercado Calegaris e TKK, MB Catalisadores e Casas Bahia e por fim Passaredo e ASGA. Na sexta-feira (13) serão conhecidas as equipes que avançaram para a 2ª Fase do torneio. Os jogos acontecerão no Ginásio Municipal “Itália Botasso Calegari”, a partir das 19h00. 

Fotos: Lucas Rodrigues/CP Imagem

Comentar