Futsal: Os gols que definiram o placar do 3º e último jogo de ontem (13) saíram segundos antes do apito final, no “Agostinho...

Da Redação
14/02/2014 19:51:00
Futsal: Os gols que definiram o placar do 3º e último jogo de ontem (13) saíram segundos antes do apito final, no “Agostinho Fávaro”

[imagem] A noite de ontem (13) no Ginásio “Agostinho Favaro”, no João Aranha, foi repleta de emoções em mais uma rodada da fase de grupos da 2ª divisão do Campeonato Municipal de Futsal. Pelo grupo N o Hashtag venceu o PSG por 8 a 4, Só Boleiros ganhou três pontos em cima do Clã da Pop e na única partida do grupo O, o Liberdade/15 Nov perdeu de virada para o Villa Natividade F.C, por 6 a 4.


O duelo pelo grupo O foi o grande destaque da noite e dois “gordinhos”, no maior estilo “Ronaldinho Fenômeno” - o dentuço, fizeram a diferença na vitória do Villa Natividade. Em contagem regressiva, o 4 Silvio abriu o placar para o Liberdade, logo aos 15 minutos.

Em seguida veio o empate do Villa com o 15 Paulo, depois o 5 Ricardo, faltando dois minutos para o término da primeira etapa, tirou a igualdade do placar fazendo o segundo do Abelhão. O Natividade igualou novamente o marcador com o 7 Arinaldo, alguns segundos depois e os vinte minutos iniciais terminou em 2 a 2. 

O Villa começou superior e fez o terceiro com o 10 Gênesis. Em seguida o Liberdade empatou, outra vez com o 7 Reginaldo, aos 11 minutos. No meio da partida, uma jogada na lateral causou a expulsão do 8 André (Liberdade). A arbitragem marcou jogada perigosa, porque a mão do jogador sobrou no rosto de um adversário.

O lance foi polêmico e acabou paralisando a partida por alguns minutos. Reiniciando, o juiz errou em um lance de contra-ataque do Liberdade. Na tentativa de roubar a bola, o 10 do Villa acabou derrubando o atleta do Abelhão e também foi expulso de quadra – tudo igual também em expulsões. 

Nos segundos finais, o 5 Luis Fernando marcou o quarto e o quinto gols do Villa. O Liberdade fez o quarto com o 6 Diogo, faltando 30 segundos para o fim do duelo.  Nos 10 segundos finais, a estrela do “gordinho” Paulo, o camisa 15 do Villa, brilhou outra vez e ele fez o gol da vitória.

No primeiro tempo, Paulo havia sido “zuado” pela torcida porque não havia conseguido alcançar uma jogada pela lateral, por conta dos “quilinhos” extras, mas ele não desmotivou, foi pra cima e liquidou o jogo, levando cerca de 250 torcedores ao delírio. 


Escalações

Liberdade/XV Nov:
Técnico: Porquinho
Jogadores: 7 Reginaldo, 4 Silvio, 12 Anzol, 6 Diogo, 15 Diego, 8 André e 5 Ricardo

Villa Natividade
Técnico: Luiz
Jogadores: 15 Paulo, 11 Adriano, 7 Arinaldo, 13 Gesiel, 10 Gênesis, 1 Adalberto e 5 Luis Fernando

Árbitros: Orlando e Erick

Foto: Lucas Rodrigues/CP Imagem

Comentar