“CP DA PEDALADA FISCAL” opina pela cassação de Dixon e pede sessão de julgamento para quarta-feira (29); “ABJETO CRIMINOSO”; Vai ter que...

Da Redação
25/08/2018 21:08:25
“CP DA PEDALADA FISCAL” opina pela cassação de Dixon e pede sessão de julgamento para quarta-feira (29); “ABJETO CRIMINOSO”; Vai ter que RESPONDER!!!

O presidente da Câmara, Du Cazellato (PSDB), deve convocar sessão extraordinária com 48 horas de antecedência

Boooooooooooooooooooooooooooa nooooooooooooooooooooite, meus amoooooooooooooooooores!!!  Quando penso que certos seres abjetos já desceram o mais baixo que poderiam, eles mostram que o fundo do poço (deles) é beeeeeeeeeeeem mais embaixo. Misericórdia! O que faz alguém tornar-se um verdadeiro “criminoso da escrita”, e, descaradamente, virar para as suas vítimas e justificar que “não é nada pessoal”? Asqueroso. O máximo que esse tipo de gente merece é a nossa total indiferença. Por isso, da minha parte, jamais terão uma linha de réplica, por mais que “provoquem”. 

Ainda bem que, pelo menos no Judiciário local, o governo Dixon (Progressistas) não conseguiu o que queria: livra-se da fiscalização da Câmara Municipal (LEIA MATÉRIA). O juiz Carlos Eduardo Mendes impediu o que seria o absurdo dos absurdos na história do Poder Legislativo Municipal e, quiçá, até na do Nacional. Onde já se viu acionar a justiça para não prestar contas à sociedade do que se faz no exercício do cargo público? E pior, utilizar servidor (procurador municipal) pago com dinheiro público para isso. Esse governo é de uma estupidez sem precedentes. 

Li no Muda Paulínia (Facebook) que Beto Cavallaro teria “abandonado” a pasta municipal de Governo para “trabalhar na campanha” do deputado federal Carlos Sampaio (PSDB), candidato à reeleição.  Será? Vi Cavallaro pessoalmente uma única vez, quando ele foi depor  na “CP do Prefeito e Vereadores”. Não me pareceu ser uma pessoa incapaz de dar conta das duas coisas (secretaria e campanha), com tranquilidade. Mas, como não sei qual a função/posição do ex-secretário no staff da campanha de Sampaio, pode ser que o motivo da saída dele tenha sido esse mesmo.

E falando em CP, a que apura suposta pedalada fiscal de Dixon (Progressistas) no Orçamento do ano passado opinou pela cassação do mandato do prefeito, em parecer concluído nesta sexta-feira (24). O resultado da apuração aponta que o prefeito da city teria cometido duas infrações político-administrativas previstas no artigo 4º do Decreto Lei 201/67: “VI - Descumprir o orçamento aprovado para o exercício financeiro;  VII - Praticar, contra expressa disposição de lei, ato de sua competência ou omitir-se na sua prática”. 

As violações teriam ocorrido no exercício financeiro do ano passado, quando Dixon (Progressistas) remanejou um total de quase R$ 330 milhões em verbas públicas, tendo, segundo a CP, ultrapassado os limites da Lei Orçamentária 2017. A CP já protocolou ofício ao presidente da Câmara, Du Cazellato (PSDB), pedindo a convocação da sessão de julgamento para quarta-feira (29), às 13h.  Para Dixon ser tirado ou mantido no cargo, o relatório da “CP da Pedalada” deverá ser aprovado ou rejeitado pelo voto da maioria absoluta do Plenário, ou seja, dois terços dos 15 vereadores.

Já a Comissão Processante (CP) que envolve Dixon (Progressistas) e 13 vereadores está em fase de produção do relatório final e a sessão de julgamento deve acontecer até o dia 10 de setembro. 

Na esfera eleitoral, o prefeito da city teve a cassação do mandato mantida por todos os juízes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP), no último dia 15. A sentença que ratificou a decisão do meritíssimo Carlos Eduardo Mendes, juiz eleitoral da city, foi publicada quinta-feira (23), abrindo o prazo de três dias para Dixon (Progressistas) entrar com os embargos declaratórios (LEIA MATÉRIA). 

Meu palpite: o julgamento e a publicação dos embargos devem levar, por baixo, uns 60 (sessenta) dias. Até lá, nada muda.  Além disso, o prefeito pode muito bem conseguir liminar (decisão provisória) para seguir no cargo, até a palavra final do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Como a campanha eleitoral já começou, não é impossível que esse caso seja resolvido somente no ano que vem. Mas, repito, são apenas palpites.

Bom, por hoje, já palpitei muito. Um fim de semana abençoado e muito protegido por NOSSO SENHOR JESUS CRISTO. Muuuuuuuitos beeeeeeeeeeeeeeeeijos e abraaaaaaaaaaaaaaços. Au revoir!!! 

Foto: Arquivo/CP Imagem

Comentar