CONTAS DE TUTA (PPS): parecer recomenda “APROVAÇÃO COM RESSALVA”; Bonavita ganha nova chance no TSE; MP “DE OLHO” NAS NOMEAÇÕES;...

Da Redação
20/03/2017 21:03:52
CONTAS DE TUTA (PPS): parecer recomenda “APROVAÇÃO COM RESSALVA”; Bonavita ganha nova chance no TSE; MP “DE OLHO” NAS NOMEAÇÕES; Eleição no Pauliprev!!!

O ex-candidato a prefeito Tuta Bosco (PPS) teve parecer favorável à aprovação de suas contas de campanha

Boaaaaaaaaaaaaaa nooooooooooooite, meus amoooooooooores!!! O queridíssimo Bonavita, ex-vice-prefeito e presidente do PTB de Paulínia City, terá uma nova oportunidade para, quiçá,  recuperar seus direitos políticos, cassados em 2014, por conta do escândalo “Só Papai” - a compra de votos, no quarto de uma casa lá no Bom Retiro, protagonizada por Moura e Moura Junior nas eleições municipais de 2012.

Quinta-feira (16), a ministra Luciana Lóssio (TSE), relatora do caso, decidiu que o recurso contra a inelegibilidade do cearense será julgado pelo Plenário do Tribunal, em data ainda não definida. Lóssio reconheceu que há “controvérsia” na decisão monocrática do ministro Herman Benjamin, que, no ano passado, inocentou a ex-vereadora Siméia Zanon e manteve a condenação de Bonavita no mesmo processo da compra de votos. Continuarei de “butuca” e qualquer novidade compartilho.

Outra notícia judicial eleitoral, fresquinha. Saiu hoje (20) o “parecer técnico conclusivo” sobre a prestação de contas do ex-candidato a prefeito da city Tuta Bosco (PPS), que ficou em terceiro lugar na disputa do ano passado, com quase 14 mil votos. O chefe do Cartório Eleitoral, Ademir Ferreira Lima, que analisou a prestação de Tuta, manifestou-se pela “aprovação com ressalva”isso ocorre, quando as falhas verificadas na prestação não comprometem a regularidade das contas. O parecer já foi encaminhado ao MPE (Ministério Público Eleitoral), que aceitará ou não a recomendação do analista. Depois, o processo vai para a decisão final do meritíssimo eleitoral Carlos Eduardo Mendes.

No final de fevereiro, a Justiça Eleitoral apontou doze inconsistências na prestação de contas de Tuta (PPS), e pediu para o ex-candidato prestar informações e apresentar documentos que solucionassem as questões levantadas. Tuta informou e apresentou, dentro do prazo legal. Agora, é aguardar o parecer do MPE e a palavra final do juiz Mendes. Lembrando que apenas dois dos sete candidatos à Prefeitura da City, em outubro passado, tiveram as contas julgadas, até agora: Dixon Carvalho (PP), reprovadas, e Daniel Messias (PCO), aprovadas.

No caso de Dixon (PP), o MPE e o juiz eleitoral não seguiram o parecer dos técnicos do TCE (Tribunal de Contas do Estado), recomendando a aprovação das contas pepistas. O atual prefeito está enroladíssimo com o processo das contas, que já se encontra no TRE (Tribunal Regional Eleitoral), ainda sem data para ser julgado.

Falando em disputa, o funcionalismo público municipal vai eleger, no próximo dia 30, seus representantes nos Conselhos Administrativo e Fiscal do Instituto Pauliprev. Segundo lista divulgada no Facebook do sindicato da categoria, 44 servidores, entre ativos e inativos, disputarão as 5 vagas reservadas para o funcionalismo, sendo 3 no Conselho Administrativo e 2 no Conselho Fiscal. De acordo com a presidente do STSPMP, Cláudia Pompeu, pela primeira vez a eleição está sendo organizada pelos servidores, que criaram uma Comissão Eleitoral, presidida por André Luiz Fernando da Silva, para conduzir o pleito. Servidores conhecidos, como Ligian Kalvon, Iria Onira e Rogério Douglas Pedro de Souza, o Roger Dance, estão na disputa.

Mudando de assunto. A queridíssima Fernanda Cândido é a nova Diretora de Planejamento de Hortolândia. Segundo apurei, ela vai comandar a iluminação pública da city vizinha, que, sem sombra de dúvida, será iluminada como nunca foi, tanto pela indiscutível competência profissional de Fernanda, bem como pela luz própria que ela irradia por onde passa. “Muito sucesso, amaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaada. Que Deus a proteja e abençoe seeempre”.

Pelo andar da carruagem, a próxima edição do Semanário Oficial deve trazer as primeiras nomeações de cargos de confiança do governo Dixon (PP). Uma gaivota do Paço me contou que a mesa do prefeito está abarrotada de currículos, todos, de aliados que estão na filia de espera há quase três meses. Os candidatos a diretores de departamentos devem ser chamados primeiramente, já que, sem eles, as secretarias municipais quase não funcionam. Nos corredores da Prefeitura, o bapho que não cala é se todos aqueles que trabalharam como “voluntários”, realmente, serão nomeados. Misericórdia! Se algum deles ficar de fora, certeza, haverá barraco, e dos feios. Tomara que não.

Antigamente, muitos cargos em comissão eram ocupados por pessoas sem a menor qualificação profissional. O atual governo ficou todo esse tempo só com secretários, justamente, porque as leis municipais que criaram as vagas comissionadas não observaram esse “detalhe”, e acabaram impugnadas pela Justiça. Agora, tudo tem que ser feito dentro da nova Reforma Administrativa, aprovada pela Câmara na sessão do dia 14, e regulamentada pela lei 3.539/2017, sancionada e publicada pelo prefeito Dixon (PP), dia 16.

Por isso, preciso deixar um alerta para quem está pensando sacar o famoso “jeitinho brasileiro”, visando não perder a tão sonhada vaga. Os critérios para as novas nomeações estão bem mais rígidos e o MP (Ministério Público) estará de olhos bem abertos, acompanhando e conferindo tudo. No menor deslize detectado, dançam prefeito e nomeado. Por exemplo, cada candidato tem que ter curriculum (nível médio, superior ou tecnólogo) compatível com o cargo para o qual foi nomeado. Se algum “neguinho” resolver “fazer graça”, colocando no papel experiência que nunca teve, ou até mesmo apresentar “diploma fajuto”, além da vaga, poderá perder também o sossego judicial. Não custa nada avisar.

Por hoje, é só. Uma semana de muitas BENÇÃOS, LUZ E PROTEÇÃO DO NOSSO CRIADOR.  Beeeeeeijos, abraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaços e até a próxima coluna, com mais baphos e babados. Au revoir!!!

Foto: Tulio Silva/Correio Imagem

Comentar