"Não cancelamos o contrato com a Corpus", afirma o diretor-adjunto da Câmara de Paulínia

Da Redação
05/09/2016 21:09:47

Câmara de Paulínia conta com uma nova terceirizada de limpeza, copa e recepção

David Rodrigues explicou que a Câmara abriu uma nova licitação, após o término do prazo legal do contrato com a empresa

A Câmara Municipal de Paulínia tem uma nova prestadora de serviços de limpeza, copa e recepção.  A Mota & Rodrigues substituiu a empresa Corpus Saneamento e Obras, cujo contrato de 5 (cinco) anos terminou no último mês de abril. O diretor-adjunto do Legislativo paulinense, David Rodrigues, explicou ao Correio o processo legal da troca de empresas.

De acordo com ele, pela Lei 8.666/93 (Licitações e Contratos da Administração Pública) o período máximo de contratos com a administração pública é de 60 meses, por isso, a Câmara abriu uma nova concorrência para prestação dos serviços. “Além da antiga prestadora dos serviços (a Corpus), participaram outras 11 empresas de diversas cidades e até de outros estados. Após a avaliação de documentos e capacidade de prestar o serviço, as empresas apresentaram seus preços e a vencedora foi aquela que ofereceu o valor mais baixo”, explicou Rodrigues.

Para o diretor, a concorrência pública permite a livre disputa, lisura e transparência dos contratos. “Com isso, temos gerado economia aos cofres públicos e a garantia de bons serviços prestados”, disse ele. Rodrigues também esclareceu que dos 22 funcionários dispensados pela Corpus, 10 foram readmitidos pela vencedora do contrato.

Foto: Arquivo

Comentar