Civil apreende arma de uso restrito, munições e R$ 23 mil com acusado de tráfico de anabolizantes, preso em flagrante na...

Da Redação
20/04/2016 20:55:00
Civil apreende arma de uso restrito, munições e R$ 23 mil com acusado de tráfico de anabolizantes, preso em flagrante na manhã desta quarta (20)

[imagem] Foram apreendidos também dois carros de luxo e grande quantidade de esteroides, que, segundo a polícia, eram vendidos em academias da cidade e Região

Um trabalho minucioso do Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil de Paulínia resultou na prisão em flagrante de Rafael Alex da Rosa, 29 anos, na manhã desta quarta-feira (20). Com mandado de busca e apreensão expedido pelo juízo da 2ª Vara local, a polícia entrou na residência do suspeito, no Monte Alegre III, onde foram encontrados 236 frascos e 20.000 cápsulas contendo anabolizantes, 300g da substância ilegal em pó, três seringas descartáveis, e 11 agulhas. Rosa foi preso em flagrante, e todo o material recolhido para posterior análise da perícia técnica. 


De acordo com o boletim do flagrante, a que a reportagem do Correio teve acesso, os investigadores também apreenderam o computador que o suspeito, provavelmente, usava para vender anabolizantes via internet, R$ 23 mil em dinheiro, um veículo BMW, um veículo Jetta, e uma pistola 9mm, de uso restrito do Exército Brasileiro, com 45 munições intactas e dois carregadores vazios. “Foi um trabalho genuíno do nosso Setor de Investigações, representado pela equipe de entorpecentes, liderada pelo investigador Gustavo Mileo”, disse o delegado Marco Evangelista. 

A polícia acredita que o acusado abastecia academias de ginástica de Paulínia e de outras cidades da Região. “Ele distribuía os anabolizantes nesses estabelecimentos comerciais, dentro e fora da cidade”, disse o delegado. Rosa foi autuado por crime contra a saúde pública, de acordo com o artigo 273 do Código Penal, cuja pena é de 10 a 15 anos de reclusão, mais multa, e também por porte de arma de uso restrito, crime previsto no artigo 16 da lei 10.826/03, com pena de 3 a 6 anos. O suspeito foi encaminhado à cadeia anexa ao 2º DP de Campinas, onde aguardará transferência para uma unidade prisional da região. 

Alerta

Durante a conversa com nossa reportagem, o delegado Marco Evangelista lembrou que o uso de anabolizantes pode causar sérios danos à saúde. “Principalmente os jovens, que frequentam muito academias e cultuam o corpo, precisam tomar muito cuidado, pois, no primeiro momento o uso de anabolizantes favorece a estética, mas as consequências futuras para a saúde são muito graves, e em alguns casos irreversíveis. Por isso, sempre é bom alertar que não fazer uso desse tipo de substância é a decisão mais acertada”, disse ele, e finalizou: “Continuaremos de olho nos comércios que vendem produtos voltados para este público, e se necessário for faremos novas prisões”. 

Fotos: Polícia Civil/Divulgação

Comentar