“Dinos” e “Havaí” na José Paulino, “João Aranha” no São José: blocos...

Da Redação
01/02/2016 23:49:00
“Dinos” e “Havaí” na José Paulino, “João Aranha” no São José: blocos estão quase prontos para fazerem a folia de rua em Paulínia

[imagem] Prefeitura dará estrutura e segurança para agremiações e foliões, sábado e domingo de carnaval


Tendas, banheiros químicos, palco coberto e fechado nas laterais, além de geradores, serão instalados pela Prefeitura de Paulínia na Avenida José Paulino, a principal da cidade, para receber os blocos Dinossauros e Havaí 71, que prometem arrastar milhares de foliões, sábado (6) e domingo (7) de Carnaval, respectivamente. 

No outro lado da cidade, a folia de Momo será animada pelo bloco “João Aranha”, que descerá pela Rua Regina Basseto Brodignon até a Praça Richard Geraldo Di Blásio, no São José, onde a festa será concentrada. Por lá, além da estrutura, a administração Pavan Junior (PSB) garantirá também a segurança, assim como na avenida central da cidade. Segundo o  popular Maguila, organizador do “João Aranha”, o palco no São José será ocupado por vários shows de pagode, para sacudir os foliões.

A folia de rua de Paulínia será aberta pelo megabloco Dinossauros a partir das 14 horas do sábado (6). De acordo com a Secretaria Municipal de Transportes (Setransp), desse horário até às 20h30, serão interditados o trecho da Avenida José Paulino, da esquina da Rua Adelelmo Piva até a altura da antiga Rodoviária, esquina com a Rua José Seixas de Queiroz.

A Rua Antônio Ferro ficará interditada parcialmente e liberada após a passagem do blocos. Já a Rua Oscar Seixas de Queiroz também será fechada parcialmente, permanecendo durante a festa, entre à Avenida José Paulino e a Rua Malavazzi.

Já no domingo (7), para o desfile do Havaí 71, as mesmas ruas e trechos ficarão fechados das 14 às 18 horas. Lá no São José as interdições serão das 15 às 20h30, segundo a Prefeitura, e das 16 às 22 horas, segundo a organização do bloco.
 
Praças de alimentação
Os ambulantes ou entidades assistenciais interessadas em montar suas barracas, deverão entrar em contato com a Vigilância Sanitária (VISA) da Secretaria de Saúde e com o Setor de Fiscalização da Secretaria de Negócios da Receita para orientação quanto à autorização para trabalhar no evento. Não é permitido o comércio ambulante de bebidas alcoólicas. Quanto ao comércio irregular, a Prefeitura realizará a fiscalização no local.

Foto: Correio Imagem/Arquivo
 

Comentar