Paulínia diploma e empossa novo Conselho Tutelar: Karol Valadão, Renata Ventura, Márcia Thomaz, Fábio Corrêa e...

Da Redação
10/01/2016 17:45:00
Paulínia diploma e empossa novo Conselho Tutelar: Karol Valadão, Renata Ventura, Márcia Thomaz, Fábio Corrêa e Noeli Souza foram eleitos dia 04 de outubro passado

[imagem] O novo Conselho Tutelar de Paulínia tomou posse na manhã deste domingo (10), na Sala de Imprensa – Auditório “Carlos Tontoli”, do Paço Municipal. A cerimônia foi conduzida pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), responsável pela organização da eleição tutelar e contou com as presenças da vice-prefeita Vanda Camargo (PSDB), da secretária de Promoção Social, Mara Ferrari, dos vereadores Tiguila Paes (PRTB), Danilo Barros (PC do B), Doutor João Mota (PT), entre outros, além de familiares e convidados dos eleitos.


Karol Valadão, Renata Ventura, Márcia Thomaz, Fábio Corrêa e Noeli Souza foram eleitos dia 04 de outubro do ano passado, após uma campanha que atraiu um dos maiores eleitorados da história do Conselho. Segundo dados do CMDCA de Paulínia, mais de 8 mil eleitores foram às urnas na Escola “Marcelino Pietrobom”, no Jardim Ouro Negro - o voto para os Conselhos Municipais não é obrigatório, mas para votar o eleitor tem que está quite com a Justiça Eleitoral. O novo Conselho funcionará até 2020, quando haverá novas eleições simultâneas em todo o país. 

O QUE FAZ? 

O Conselho Tutelar é um órgão essencial ao Sistema de Garantia de Direitos, responsável por zelar pelo cumprimento dos direitos das crianças e adolescentes, concebido pela Lei nº 8.069, de 13 de Julho de 1990, para garantir proteção integral de toda a criança e adolescente do Brasil.

É chamado a agir por meio de denúncia de ameaça ou violação consumada de direitos da criança e do adolescente. Outras vezes, se antecipa à denúncia, age preventivamente quando fiscaliza entidades, mobiliza a sua comunidade para o exercício de direitos assegurados a todo cidadão, cobrando o melhor acompanhamento e o atendimento à criança e ao adolescente, bem como a sua família.

Fotos: Bárbara Tarasiuck (Cedidas)

Comentar