Segundo Nota da Prefeitura, uma das empresas participantes tinha dois irmãos como procuradores

Da Redação
02/04/2015 11:00:00
Segundo Nota da Prefeitura, uma das empresas participantes tinha dois irmãos como procuradores

[imagem] Ontem, dia 1º, a Prefeitura Municipal de Paulínia divulgou Nota Oficial sobre a revogação do Pregão 02/2015, marcado para anteontem (31). Segundo a nota, dois irmãos constavam como procuradores de uma das empresas participantes, o que caracterizaria irregularidade, caso o Pregão fosse levado adiante. 


A pregoeira recomendou a revogação ao prefeito José Pavan Junior (PSB) que, ainda de acordo com a Nota, além de revogar, também denunciou o caso ao Ministério Público (MP), para apuração dos fatos e eventual dano causado ao município. 

NOTA OFICIAL 

"CONSIDERANDO A OCORRÊNCIA NO DIA 31 DE MARÇO DE 2.015 DE EVENTUAL PRÉVIO AJUSTE DE PARTICIPAÇÃO DE DUAS EMPRESAS NO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 02/2015, PARA A AQUISIÇÃO DE OVOS DE PÁSCOA, A PREGOEIRA DA SESSÃO ENTENDEU POR BEM RECOMENDAR A REVOGAÇÃO DA LICITAÇÃO PARA O PREFEITO JOSÉ PAVAN JUNIOR, QUE ACEITOU A SUGESTÃO.
 
DIANTE DA GRAVIDADE DOS FATOS – EVENTUAL AJUSTE DE PARTICIPAÇÃO - A PREFEITURA MUNICIPAL DE PAULÍNIA APLICOU A PUNIÇÃO DE INIDONEIDADE PARA AS EMPRESAS EM APARENTE CONLUIO, BEM COMO APRESENTOU REPRESENTAÇÃO AO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO, PARA APURAR O DANO CAUSADO AO MUNICÍPIO.
 
O EVENTUAL AJUSTE DE PARTICIPAÇÃO ESTÁ CARACTERIZADO NA PROCURAÇÃO DE REPRESENTAÇÃO DE UMA DAS EMPRESAS PARA DOIS IRMÃOS".

Prefeitura Municipal de Paulínia

Comentar