Funcionários da Corpus são proibidos de comerem no refeitório da Câmara: “POLÍTICA DE ALTO...

Da Redação
02/03/2015 21:00:00
Funcionários da Corpus são proibidos de comerem no refeitório da Câmara: “POLÍTICA DE ALTO NÍVEL” É CORTAR A COMIDA DE TRABALHADORES, PRESIDENTE?  O nome disso é CANALHICE!

[imagem] Boaaaaaaaaaaaaa nooooooooooooite meus amoooooooooores! Que o ex-secretário Danilo Garcia falará amanhã, dia 3, na Câmara da City já “espalhei” para todo mundo (leia), desde ontem (1). Agora, já rasguei quase meia dúzia de tubinhos Coco Chanel (gargalhaaaaaaaaadas), tentando descobrir O QUE ELE VAI FALAR NA “TRIBUNA LIVRE” (TL) DA CASA. Em sua desastrosa (sendo gentil e delicado) passagem pela pasta municipal de Habitação, Garcia demonstrou e comprovou ser um SER (habitacionalmente falando) extremamente IGNORANTE no assunto – ou seja, não entende bulhufas nenhuma, incompetência total. Aí, lá na pauta da sessão de amanhã consta que ele abordará o tema “METAS E COMPROMISSOS DA POLÍTICA HABITACIONAL DE PAULÍNIA”.  Oxi! Das duas uma: ele registrou um tema e falará de outro ou virou empresário do ramo da construção civil e vai lançar o seu próprio “Minha Casa Minha Vida” na city (gargalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadas). Só sendo!


Sim, pois se tratando de habitação pública, além de não ter o mínimo know-how, ele não apita mais nada. Então, de que metas, compromissos e política de habitação ele vai falar?  Na política habitacional Garcia foi um FIASCO INCONTESTE e na partidária CONDENADO POR COMPRA DE VOTOS nas eleições 2012. Querem saber o que eu acho? Acho que o ex-secretário mourista fará da Tribuna Legislativa palanque eleitoral em defesa do pior governo que a city já teve. Traumatizado, assim como os demais exonerados, com a perda dos mais de 9 mil paus (uiiii...gargalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadas) de salário por mês, o peemedebista deve tentar explicar o inexplicável, defender o indefensável e finalizar, chorando: VOLTA MOURINHA, VOLTA (gargalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadas). 

E como se comportará o presidente Sandro Caprino (PRB) diante do colega de ex-governo, fazendo na Tribuna o que ele (Caprino) fazia na mesa de baixo, quando era vereador-líder?  Se Caprino vai buááááááááááááááááááááááááááááááááááááá´, de tanta emoção, eu não sei (gargalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadas). Agora, o que ele não pode é emocionar-se muito, a ponto de deixar o ex-secretário falar UMA HORA e não os 10 minutos cravados no art. 7º da Resolução 193, que disciplina o uso da Tribuna Livre, e nem esquecer de “cassar a palavra” do orador (Caprino não tá doido pra cassar alguém? Então, essa pode ser a sua grande chance...gargalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadas), caso ele se desvie do tema proposto, conforme determina o § 2º do mesmo artigo, da mesmíssima resolution (gargalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadas). Vamos torcer que não, pois, ao menos com os vereadores, Caprino (PRB) tem sido muito rígido no quesito “tempo de fala”. A sessão de amanhã está imperdível. 

Já que estou na Câmara, nela vou continuar. Fiquei sabendo hoje (2) que na sexta-feira (27) o diretor geral David Lima chamou os funcionários da empresa Corpus, que prestam serviços na Casa, PARA INFORMAR QUE ELES NÃO PODEM MAIS ALMOÇAR NO REFEITÓRIO LEGISLATIVO. Traduzindo: SE QUISEREM COMER, OS TRABALHADORES TERÃO QUE FAZER SUAS MARMITAS, ANTES DE SAIREM DE CASA, E LEVAREM DEBAIXO DOS BRAÇOS. Na tal reunião, teria sido prometida uma sala, com mesas, cadeiras e um micro-ondas, para os homens e mulheres esquentarem suas comidas. Como nada de sala ainda, alguns desses trabalhadores, hoje (2), comeram em pé, no tanque da área de serviço do Legislativo. Enviei um e-mail ao diretor perguntando sobre o assunto, mas até agora não tive resposta.

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!!! Essa é a “POLÍTICA DE ALTO NÍVEL” do presidente Sandro Caprino (PRB)? Quando digo que a gestão capriniana será no mesmo nível da terrível mourista, acham que estou exagerando. Cortar o almoço de trabalhadores simples, que dão um duro danado, de segunda a sexta-feira, pra quê? Pra diminuir os gastos da Câmara com comida? Ah vão para os quintos dos infernos. Quanto custa alimentar esses trabalhadores? A Câmara, que somente este ano tem R$ 22 milhões para despesas, iria à falência por conta disso? Ah dá licença! E a ruma de que gente que almoçam lá, todos os dias, a convite dos vereadores? Vão cortar também? Quer dizer dizer que David e outros do atual primeiro-escalão legislativo, inclusive o presidente, não levam convidados para almoçarem na Câmara? Além de mesquinhos, são hipócritas. 

Indignado com a medida e penalizado com as meninas da limpeza, um funcionário de carreira da Casa desabafou comigo: “Hoje (segunda), nem consegui comer direito ao ver uma delas limpando a sujeira de quem almoçou e depois não ter o direito de almoçar também, como antes. É mais do que absurdo, é desumano”.  Assino embaixo e acrescento: É CANALHICE, DAS MAIS REPULSIVAS. Sem contar, que no frigir dos ovos, os trabalhadores impedidos de comerem, pagavam, através de impostos, cada grão de arroz e de feijão, que comiam naquele refeitório – ou agora vão dizer que quem paga a Alinutri é Caprino? Só falta. Repito: CANALHICE, DAS MAIS REPULSIVAS. 

Será que o presidente não tem vergonha de avalizar tamanha baixaria? Que pergunta idiota, essa minha. Se tivesse, não teria avalizado. Outra coisa: além de tirar o almoço dessas pessoas, por que separá-las das outras, fazendo-as comer em sala diferente? Por que elas não podem comer a própria comida no refeitório? E nem venham dizer que foi uma determinação da Corpus e a Câmara só acatou, ou isso e aquilo – comigo não, seus mequetrefes. Vou encerrar este assunto por aqui, antes que eu perca a linha de vez e acabe mandando esses políticos cretinos e de meia tigela tomar...... e ir  pra..........!

Depois, vão engravatados pra Brasília, pousam com ministro disso, ministro daquilo, deputado, e postam as fotos no Facebook com o título: POLÍTICA DE ALTO NÍVEL  É muita cara de pau, viu. Na semana passada, além de Moura pai e Moura Junior, os vereadores Caprino (PRB) e Danilo Barros (PC do B) circularam pelos corredores da Praça dos Três Poderes. Os Moura, todo mundo já sabe que estão lá atrás de “alguém” que os ajude recuperar a Prefeitura da City, ainda neste mês de março, como alguns mouristas juram que vai acontecer. Já o presidente e o vereador devem ter ido dá um apoio moral à luta mourista, como bons mouristas que são (gargalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadas). 

Por hoje é só, meus amores. Uma semana abençoada para todos nós e QUE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO ESTEJA SEMPRE À NOSSA FRENTE. Mil beijos e abraços apertados. Au revoir! 

Foto: Reprodução/Facebook de Sandro Caprino

Comentar